Arquivos do Blog

08 de março Dia Internacional da Mulher??? Você #sabia que???

Este Texto original escrito em 2010, puxa só piorou……mas faço minha homenagem atualizado por mulheres que representam muito na minha vida…..Mulheres sintam se Homenageadas….#maximoRESPEITO

Meditando

“Uma esposa exemplar; feliz quem a encontrar! É muito mais valiosa que os rubis.”

:PROVÉRBIOS 31:10

Valeria Vieira

“Quando vejo as mulheres da Biblia, ocupando posições estratégicas de influência e de liderança, sendo colocadas meticulosamente no lugar certo e na hora oportuna, percebo o quanto Deus valorizou a mulher em todos os tempos. Percebo a forma maravilhosa como Deus a vestiu de força e dignidade, lhe vestiu de autoridade diante de diversas situações, conciliando obediência e submissão a Deus!
Em Seu gracioso plano de salvação, envolveu mulheres das mais variadas classes e ocupações, numa época em que pouco ou nenhum valor se dava às mulheres e assegurou que seus nomes e seus feitos ficassem registrados como testemunho para as próximas gerações:
-Anas: inseridas no contexto eclesiástico, vivendo em suas angústias, mas exercitando sua fé!
-Déboras: que assumem posição de liderança e tomam atitudes capazes de mudar a vida de muitas pessoas!
-Dorcas: envolvidas em sua sociedade colaborando com seus ofícios!
-Esters: tecendo um pano de fundo político, salvando vidas!
-Rutes: prezando pelos valores da família!
-Saras: chamadas para crêr em milagres!
-Martas:prontas para servir!
-Marias: prontas para ouvir!
🌺Mulheres, Muralhas, Auxiliadoras,
Mães, Profetizas, Rainhas!
🌺Mulheres jovens, outras não tão jovens!
🌺Mulheres sofredoras, estéreis, mulheres sábias!
🌺Mulheres simples, importantes!
🌺Mulheres que não tiveram seus nomes revelados!
🌺Mulheres amigas, mulheres formosas!
🌺Mulheres prontas a ofertar suas últimas moedas, seu mais caro perfume, o sempre seu melhor aroma!
🌺Mulheres que testemunharam a gloriosa visão do túmulo vazio!
🌺Mulheres de ontem e hoje!
🌺Mulheres ungidas, comprometidas
com a obra do Senhor!
💍O valor de uma Mulher excede em muito o valor de finas jóias!
A mulher foi feita da costela do homem, não dos pés para ser pisada, nem da cabeça para ser superior, mas sim do lado para ser igual e debaixo do braço para ser protegida e do lado do para ser amada!!!
FELIZ SEMANA DA MULHER

As histórias que remetem à criação do Dia Internacional da Mulher alimentam o imaginário de que a data teria surgido a partir de um incêndio em uma fábrica têxtil de Nova York em 1911, quando cerca de 130 operárias morreram carbonizadas. Sem dúvida, o incidente ocorrido em 25 de março daquele ano marcou a trajetória das lutas feministas ao longo do século 20, mas os eventos que levaram à criação da data são bem anteriores a este acontecimento.

Desde o final do século 19, organizações femininas oriundas de movimentos operários protestavam em vários países da Europa e nos Estados Unidos. As jornadas de trabalho de aproximadamente 15 horas diárias e os salários medíocres introduzidos pela Revolução Industrial levaram as mulheres a greves para reivindicar melhores condições de trabalho e o fim do trabalho infantil, comum nas fábricas durante o período.

O primeiro Dia Nacional da Mulher foi celebrado em maio de 1908 nos Estados Unidos, quando cerca de 1500 mulheres aderiram a uma manifestação em prol da igualdade econômica e política no país. No ano seguinte, o Partido Socialista dos EUA oficializou a data como sendo 28 de fevereiro, com um protesto que reuniu mais de 3 mil pessoas no centro de Nova York e culminou, em novembro de 1909, em uma longa greve têxtil que fechou quase 500 fábricas americanas.

Em 1910, durante a II Conferência Internacional de Mulheres Socialistas na Dinamarca, uma resolução para a criação de uma data anual para a celebração dos direitos da mulher foi aprovada por mais de cem representantes de 17 países. O objetivo era honrar as lutas femininas e, assim, obter suporte para instituir o sufrágio universal em diversas nações.

Com a Primeira Guerra Mundial (1914-1918) eclodiram ainda mais protestos em todo o mundo. Mas foi em 8 de março de 1917 (23 de fevereiro no calendário Juliano, adotado pela Rússia até então), quando aproximadamente 90 mil operárias manifestaram-se contra o Czar Nicolau II, as más condições de trabalho, a fome e a participação russa na guerra – em um protesto conhecido como “Pão e Paz” – que a data consagrou-se, embora tenha sido oficializada como Dia Internacional da Mulher, apenas em 1921.

Somente mais de 20 anos depois, em 1945, a Organização das Nações Unidas (ONU) assinou o primeiro acordo internacional que afirmava princípios de igualdade entre homens e mulheres. Nos anos 1960, o movimento feminista ganhou corpo, em 1975 comemorou-se oficialmente o Ano Internacional da Mulher e em 1977 o “8 de março” foi reconhecido oficialmente pelas Nações Unidas.

“O 8 de março deve ser visto como momento de mobilização para a conquista de direitos e para discutir as discriminações e violências morais, físicas e sexuais ainda sofridas pelas mulheres, impedindo que retrocessos ameacem o que já foi alcançado em diversos países”, explica a professora Maria Célia Orlato Selem, mestre em Estudos Feministas pela Universidade de Brasília e doutoranda em História Cultural pela Universidade de Campinas (Unicamp).

No Brasil, as movimentações em prol dos direitos da mulher surgiram em meio aos grupos anarquistas do início do século 20, que buscavam, assim como nos demais países, melhores condições de trabalho e qualidade de vida. A luta feminina ganhou força com o movimento das sufragistas, nas décadas de 1920 e 30, que conseguiram o direito ao voto em 1932, na Constituição promulgada por Getúlio Vargas. A partir dos anos 1970 emergiram no país organizações que passaram a incluir na pauta das discussões a igualdade entre os gêneros, a sexualidade e a saúde da mulher. Em 1982, o feminismo passou a manter um diálogo importante com o Estado, com a criação do Conselho Estadual da Condição Feminina em São Paulo, e em 1985, com o aparecimento da primeira Delegacia Especializada da Mulher.

Quer saber mais?

Bibliografia
As origens e a comemoração do Dia Internacional das Mulheres. Ana Isabel Álvarez Gonzalez, 208 págs., Ed. SOF/Expressão Popular, tel. (11) 3105-9500

Assista o video de Mirair Andrade Soares https://www.youtube.com/watch?v=JKLgEgj4Leo

Crédito https://novaescola.org.br 

Assista Video.. cecibortoleto https://www.youtube.com/watch?v=c9ZJfSHVDic

” Mulheres que fizeram História, voce concordando ou não??

DEUS ABENÇOE TODAS AS GUERREIRAS

Reflexões – Após votar – #Leia #ProntoFalei

“Estamos vivendo algo que pensei nunca viver.

Escrito dia 06/10/18 ás 22h  e atualizado em 07/10/18 ás 18h

Profissionalmente produzí,articulei,campanhas políticas desde 1988 sendo que meu primeiro voto foi 1978.

Faça uma pesquisa quantos heróis eleitos surgiram neste período e como estão HOJE, foram eleitos e com menos informação do que agora, pensando em  um Brasil Melhor, acreditei, me empenhei  me envolví em várias campanhas com todo o vigor de MUDANÇA, como está acontecendo Hoje.

Respeito todas opiniões e a decisão é sua entre  Voce e a Urna(eletronica??? se sabem dos desmandos por que não tomaram outra decisão #ASSISTA

denuncia realizado 06/03/2018 no CCJ   

 https://www.youtube.com/watch?v=0LvOMY4fCfA 

Ronaldo Caiado Senador em audiência pública na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania do Senado (CCJ), denuncia em 06/3/2018) .

Nos momentos de HOJE me pego cantarolando a música de Lupicinio Rodrigues “Esses Moços” ( https://www.youtube.com/watch?v=r1E4fQzegOM

Muito AMOR e Compreensão por tudo que aconteceu e acontecerá neste país, pois teremos que estar atentos, no dia dia da Politica, nestes envolvimentos destes anos minha conclusção   não existe Verdade Absoluta. 

Unidade nas decisões será necessária entre posição e oposição.

Tenho a clareza que não tem HERÓI, ninguem vai COMANDAR sózinho.

Descanso no SENHOR pois tudo é propósito de DEUS e se não compreendemos os tempos dificeis que estão por vir.Sei que o BEM prevalecerá sempre,se acredito no livro sagrado.

#Creio e que possamos aprender pelos dias que estão por vir. #TudoDEUS #ProntoFalei “

“O que foi, isso é o que há de ser; e o que se  , isso se fará; de modo que nada há de novo debaixo do sol.” Eclesiastes 1:9 

Recomendo leitura destas reflexões

O cristão e as eleições

Publicado: 05/10/2018 em 

Querido irmão e irmã em Cristo, como você deve ter percebido, depois de um período de sete anos escrevendo ininterruptamente neste blog, vi a necessidade de tirar um período sabático do APENAS. Há três meses não publico novos textos, em razão de me ver obrigado a priorizar outras atividades e a me dedicar a momentos de reflexão. Pretendo retomar a regularidade das publicações em breve, junto com algumas novidades. Porém, decidi compartilhar alguns pensamentos esta semana, em razão das eleições que teremos no Brasil. Não sei quem vencerá as eleições. Porém, de algumas coisas eu sei com todas as forças do meu ser, e gostaria de compartilhar essas verdades bíblicas, sugerindo que você, que é cristão, medite sobre elas, em oração e com autocrítica, à luz de tudo o que tem vivido durante o processo eleitoral:

1. Deus não está alheio a absolutamente nada do que está acontecendo em nosso país.

“O Senhor sabe todas as coisas” (Jo 21.17; cf Sl 139).

2. A vontade de Deus sempre se cumpre, mesmo que demore, e tudo o que ele tem planejado para o Brasil se cumprirá.

“Sei que podes fazer todas as coisas, e ninguém pode frustrar teus planos” (Jó 42.2).

3. Devemos amar de forma prática e por meio de atitudes todas as pessoas, as que votam como nós e as que não votam. 

“Vocês ouviram o que foi dito: ‘Ame o seu próximo’ e odeie o seu inimigo. Eu, porém, lhes digo: amem os seus inimigos e orem por quem os persegue. Desse modo, vocês agirão como verdadeiros filhos de seu Pai, que está no céu. Pois ele dá a luz do sol tanto a maus como a bons e faz chover tanto sobre justos como injustos. Se amarem apenas aqueles que os amam, que recompensa receberão? Até os cobradores de impostos fazem o mesmo” (Mt 5.43-46).

4. Devemos perdoar as pessoas, inclusive as que nos ofenderam durante o processo eleitoral pelo fato de discordarmos delas política e ideologicamente. Se possível, nos reconciliando com aquelas com quem tivemos atritos.

“Seu Pai celestial os perdoará se perdoarem aqueles que pecam contra vocês. Mas, se vocês se recusarem a perdoar os outros, seu Pai não perdoará seus pecados” (Mt 6.14-15).

“Nunca paguem o mal com o mal. Pensem sempre em fazer o que é melhor aos olhos de todos. 18 No que depender de vocês, vivam em paz com todos” (Rm 12.17-18).

5. Ore. Ore. Ore. Mais do que entrar nas redes sociais para esbravejar contra os candidatos de que não gostamos e fazer campanha eleitoral, devemos nos manter em oração pelo nosso país. Orar ao Deus que tudo controla gera resultados muito mais efetivos do que ofender quem vota em quem não votamos. Quanto você já orou ao Senhor pelo resultado dessas eleições e pelo nosso país?

“Algum de vocês está passando por dificuldades? Então ore. […] A oração de um justo tem grande poder e produz grandes resultados. Elias era humano como nós e, no entanto, quando orou insistentemente para que não caísse chuva, não choveu durante três anos e meio. Então ele orou outra vez e o céu enviou chuva, e a terra começou a produzir suas colheitas” (Tg 5.13,16-18).

“Nunca deixem de orar” (1Ts 5.17).

6. Nossa relação com quem pensa diferente de nós e se opõe ao nosso pensamento deve ser de instrução e não ofensa, e isso com mansidão e paciência. Quem vive brigando por causa destas eleições está errado.

“O servo do Senhor não deve viver brigando, mas ser amável com todos, apto a ensinar e paciente. Instrua com mansidão aqueles que se opõem, na esperança de que Deus os leve ao arrependimento e, assim, conheçam a verdade” (2Tm 2.24-25)

7.  Não podemos falar como mundanos para defender os valores do evangelho. Como têm sido as palavras que você diz e escreve sobre as ideologias e os candidatos de que discorda nessas eleições?

“Evitem o linguajar sujo e insultante. Que todas as suas palavras sejam boas e úteis, a fim de dar ânimo àqueles que as ouvirem” (Ef 4.29).

8. Caso o seu candidato não seja eleito, não passe os próximos quatro anos com uma nuvem negra sobre a cabeça, ou você poderá ter uma úlcera. Tenha paciência e confiança. 

“Se já temos alguma coisa, não há necessidade de esperar por ela, mas, se esperamos por algo que ainda não temos, devemos fazê-lo com paciência e confiança” (Rm 8.24-25).

9. Quem tem o Espírito Santo dentro de si deve viver as nove virtudes do fruto do Espírito constantemente, mesmo em época de eleição ou caso seu candidato seja derrotado nas urnas. Será que isso é verdade na sua vida? Que virtudes são essas? Veja:

“amor, alegria, paz, paciência, amabilidade, bondade, fidelidade, mansidão e domínio próprio” (Gl 5.22-23)

10. Tenha fé. Mesmo que o resultado das eleições não seja o que você gostaria, não se revolte, não desanime, por saber que algo muito maior nos espera.

“Pois estas aflições pequenas e momentâneas que agora enfrentamos produzem para nós uma glória que pesa mais que todas as angústias e durará para sempre. Portanto, não olhamos para aquilo que agora podemos ver; em vez disso, fixamos o olhar naquilo que não se pode ver. Pois as coisas que agora vemos logo passarão, mas as que não podemos ver durarão para sempre” (2Co 4.17-18).

11. Independente de quem ganhe as eleições, devemos orar pelos governantes que forem eleitos, pelo nosso próprio bem.
“Recomendo que sejam feitas petições, orações, intercessões e ações de graça em favor de todos, em favor dos reis e de todos que exercem autoridade, para que tenhamos uma vida pacífica e tranquila, caracterizada por devoção e dignidade” (1Tm 2.1-2).
.
Paz a todos vocês que estão em Cristo,
Maurício Zágari < facebook.com/mauriciozagariescritor >
Resultado de imagem para martin luther king odio

Michelle Shimo   2 de outubro às 23:29

Desculpe, mas não precisa ser político para fazer política… Acho muito legal ver todo mundo compartilhando suas ideologias em tempos de eleição. No entanto, mesmo um discurso coerente se torna muito vazio quando nada do que se fala é colocado em prática. Pessoas que defendem o socialismo, mas que não dedicam seu dinheiro e nem seu tempo ao próximo (Natal e Dia das Crianças não vale, tá?). Gente falando de corrupção e esquecendo que tem um “gato” da TV a cabo em casa. Vi muitos preconceituosos – em tempos comuns – atacando o preconceito – em tempos de eleição. Vi muita gente que não acredita em Deus – e nos valores bíblicos – cobrando uma intervenção divina ou uma posição dos religiosos. Pessoas querendo cotas e privilégios e, ao mesmo tempo, dizendo que são iguais a todo mundo, lutando por igualdade. Por trás das nossas palavras nas redes sociais e nas rodinhas da vida, como é o nosso real comportamento/pensamento no dia a dia? Como a gente tem colaborado para viver em uma sociedade melhor? Quem tem coragem de bater no peito e chamar uma parcela da responsa para si? Afinal, todos temos direitos e deveres! Eu até cheguei a pensar em postar alguma coisa falando sobre política, dando a minha opinião, mas fui impedida pela minha própria consciência. Me peguei pensando em quanto eu tenho cumprido o meu papel de cidadã. Quantas vezes estendi a bandeira do Brasil na janela fora da Copa do Mundo? Pelo contrário, a primeira coisa que sempre falo é que quero ir embora do país se o negócio não melhorar por aqui. Aliás, tenho pensando muito sobre isso, confesso. Eu tenho essa opção, mas muitos não têm. Projetar em alguns políticos coisas que eu mesma não faço não me isenta da culpa da omissão. Eu quero melhorar como brasileira! E acredito que a mudança não venha apenas da ponta da pirâmide, mas também da base dela. (Michelle Shimo)

 

A imagem pode conter: texto

Simone Cavalcante Giovannetti 3 de outubro às 14:10 · 

 

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e texto

Na Democracia que eu acredito o respeito a quem pensa diferente de mim é algo totalmente normal e fundamental para a existência dessa Democracia.... Frase de Adelmo de Medeiros.

%d blogueiros gostam disto: